a

Lorem ipsum dolor sit amet, conse ctetur adip elit, pellentesque turpis.

blog-scopphu

Scopphu

  /  Artigo   /  Liberating Structures: Principais regras
Liberating Structures

Liberating Structures: Principais regras

As Liberating Structures são utilizadas para melhorar as interações diárias de particulares e empresas. E por interações referimo-nos a reuniões, conversas one-on-one, contacto com atuais e futuros clientes, entre outras.

Existem 10 princípios – ou regras, como lhes quisermos chamar – que indicam a melhor forma de nos relacionarmos com os outros, tanto em contexto profissional, como pessoal.

Inclui – e liberta – todos: É importante que todos se sintam incluídos – num grupo, na empresa… – e é aqui que entram as Liberating Structures. Esta ferramenta vai ajudar a aplicar esta regra de forma simples e prática

Pratica e incentiva o respeito: Apesar de não ser uma regra difícil de cumprir, há alguns aspetos fundamentais que deves ter em conta. Dá liberdade às pessoas para que se sintam à vontade em partilhar as suas ideias e não cries barreiras entre a chefia e os diferentes departamentos 

Constrói a confiança: De forma a conseguir criar uma relação de proximidade entre os vários colaboradores da empresa deves permitir que todos – mas mesmo todos – tenham direito à palavra numa reunião

Aprende ao errar: Não tenhas medo de assumir que erraste. A falha continua a não ser bem vista em sociedade, mas a verdade é que às vezes é mesmo preciso errar para aprender

Destaca-te da multidão: Para que ganhes reconhecimento dentro de um grupo – ou mesmo na própria empresa – é importante que sejas criativo. Mas não te esqueças de dar espaço para que os outros também tenham o seu momento de destaque

Aumenta a tua liberdade e responsabilidade: Há alturas em que não devemos (mesmo) jogar pelo seguro. Mas deves ter noção da consequente responsabilidade que isso acarreta…

Acredita nas inúmeras possibilidades: É importante que acredites em ti e nas potencialidades da tua equipa. Foca-te naquilo que correu bem até agora e continua a trabalhar para que isso volte a acontecer 

Incentiva à destruição para permitir a inovação: Remove todas as barreiras que possam impedir o progresso. Assim, vais conseguir renovar o espírito da tua equipa e permitir que todos entrem no mindset certo

Cria um ambiente divertido e criativo: Não tenhas receio de explorar além do óbvio, até porque isso é fundamental para que surjam novas ideias

Define um objetivo claro: Antes de começares qualquer projeto é importante que tenhas um objetivo claro em mente. Reúne a equipa, partilhem ideias e levem o tempo que for necessário

Publicar um comentário